Por Zeca Soares • quarta-feira, 02 de julho de 2014 às 19:00

pedrofernandes

O deputado Pedro Fernandes (PTB-MA) discursou na Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (2) rebatendo o velho discurso da oposição de que o Maranhão permanece estagnado há 50 anos. “Ao contrário de alguns colegas do Maranhão que falam mal do Estado do Maranhão, eu quero dizer que o Maranhão é um Estado de 332 mil quilômetros quadrados, a décima população do Brasil, é o Estado que mais recebe irmãos nordestinos, todos os anos ainda continuam chegando, é o Estado que carece de infraestrutura, é um Estado cujo orçamento é igual ao do Congresso Nacional. Então, nós precisamos de poupança externa para desenvolver”, explicou.

Segundo o parlamentar o Maranhão conseguiu aumentar o nível de endividamento que o Governo passado, a atual oposição, não conseguiu fazer. E que foi o governo atual que conseguiu o financiamento do BNDES. “Hoje, estamos asfaltando o acesso aos Municípios que Roseana criou há 18 anos, mas foi preciso ela voltar agora e, com sua capacidade gerencial, conseguir dinheiro para asfaltar a ligação das BRs a esses Municípios”, afirmou.

Sarney

Na opinião do petebista, o Maranhão ficará órfão com saída do presidente Sarney e o fim do mandato de Roseana e que a sagacidade de Sarney está em ter conseguido sobreviver na política nacional por muitos anos e que não pode-se culpá-lo pela mazelas do Maranhão. “Eu vejo companheiros falando tão mal do Sarney. O Maranhão, nesses últimos 50 anos, fez uma bela estrutura hidrelétrica, uma bela estrutura rodoviária, uma bela estrutura ferroviária. Hoje, o Maranhão é o Estado que mais dispõe de energia elétrica com desenvolvimento; é o Estado que teve talvez a maior sequela de escravidão; é o Estado onde o latifúndio deixou marcas terríveis. Culpar Sarney pelo Maranhão passar por isso ou por aquilo é discurso que já não basta”, defendeu.

Eleições

O deputado acredita que a chapa se fortaleceu depois que o deputado Arnaldo Melo aceitou o convite para ser candidato a vice-governador. “Essa gritaria toda é porque o Presidente da Assembleia Legislativa, Deputado Arnaldo Melo, aceitou ser vice do Edinho Lobão, e nós vamos virar a situação. Nós estamos fazendo política com P maiúsculo. Não acreditem nessa raiva que existe do Maranhão. O Maranhão é um Estado de gente boa, de gente do bem, de gente hospitaleira, que quer crescer. O Maranhão tem um turismo que está avançando e sendo conhecido por todo o Brasil”, comemora.

Atuação

No discurso, Fernandes falou também do seu trabalho na Câmara dos Deputados e sobre a refinaria Premium. “Eu, Deputado Pedro Fernandes, venho fazendo um grande trabalho pelo Maranhão, sempre defendendo e buscando recursos para o Estado. Digo mais, a refinaria da PETROBRAS é algo concreto. Nós estamos falando de 40 bilhões de reais. Não se pode fazer um projeto desse em pouco tempo. Estamos levando para o PAC 3 todos os acessos à refinaria, os viadutos, todos na BR-135. A refinaria, sim, vai ser um projeto vencedor no Maranhão, uma realidade, refinaria Premium, com a metade da produção nacional hoje de 600 mil barris de petróleo por dia”, projetou.

A capital

Fernandes acredita que a Capital do Maranhão, São Luís está abandonada e que o atual prefeito, Edivaldo Holanda Júnior, foi abandonado por seus pares. “Quem tem capacidade gerencial faz. Essa Oposição pregou que iria resolver os problemas da Capital. Não conhecia o orçamento, não conhecia a máquina pública, e chegou lá. Infelizmente, a Capital está um caos. E até abandonaram o jovem Prefeito. Esse grupo que fala hoje abandonou o jovem Prefeito Edivaldo Holanda, que é um grande homem, luta sozinho. E agora o Governo do Estado vai ter de dar uma mão, porque o grupo do Prefeito o abandonou no meio do caminho” concluiu.