Trinta estudantes de ensino médio do município de Pastos Bons (distante 540 km de São Luís), acompanhados por professoras e gestores escolares foram recebidos, nesta sexta-feira (14), pelo secretário de Estado da Educação, Pedro Fernandes. Eles vieram à capital maranhense conhecer a história e cultura da cidade, e visitar instituições como a Assembleia Legislativa, o Museu Histórico e Artístico do Maranhão, Universidade Federal do Maranhão (Ufma) e a Fundação da Memória Republicana Brasileira (FMRB), no Convento das Mercês.

Após conhecer as instalações e história da República, do Estado e da cultura maranhense no antigo Convento das Mercês, os estudantes conversaram com secretário Pedro Fernandes e com adjunta Leuzinete Pereira.

“O intercambio cultural na visita à FMRB e às demais instituições é de fundamental importância para que vocês, alunos de ensino médio, possam ampliar a visão a respeito da história, cultura e política maranhense, além de identificar nesses lugares perspectivas profissionais para o futuro”, ressaltou Pedro Fernandes.

Leuzinete Pereira, que é natural de Pastos Bons, incentivou os estudantes a se dedicarem aos estudos, sempre focando novos horizontes. “Assim como vocês, estudei na escola pública e sempre acreditei na educação como forma de alcançar meus objetivos”, contou.

Mostra

Ainda nesta sexta-feira (14), os estudantes também participaram na Fundação da Memória Republicana Brasileira, da exposição “Mostra – Mulher em Destaque”, como parte da programação promovida em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Na ocasião, a professora Diomar Motta ministrou a palestra abordando o tema “Mulheres Professoras na Educação”.

Além dos alunos de Pastos Bons, a exposição realizada pela FMRB vem recebendo nas últimas semanas a visita média diária de 200 alunos das escolas da rede estadual de ensino e da iniciativa privada.

A presidente da Fundação da Memória Republicana Brasileira, Anna Graziella Costa, informou que a exposição ficará em cartaz até o dia 28 na sede da fundação, e contará com a realização de palestras e a exposição de painéis em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

A exposição retrata a trajetória de mulheres que marcaram a história do Maranhão, entre elas Ana Jansen, Maria Firmina dos Reis, Apolônia Pinto, Lilah Lisboa, Rosa Waquim, Maria Aragão, Laura Rosa, Maria Dalva Bacelar Vilaça, Lia Varela, Joana da Rocha Santos (Dona Noca), Judith de Oliveira Pacheco e Rosa Mochel, que marcaram o século 20 e abriram os caminhos para a modernidade.

De acordo com Anna Graziella, a FMRB realiza uma mobilização com o olhar aprofundado de resgate sobre as origens da história da República, do Estado e da cultura maranhense, acrescentando que o museu passou recentemente de por um processo de inserção tecnológica, que é a exposição multídia, que conta a história do Brasil, da política maranhense.

O museu foi o primeiro do norte e nordeste a adotar recursos tecnológicos adaptados para multimídias, adequando a riqueza das informações contidas no acervo às mudanças exigidas pela contemporaneidade, contextualizando a história de República, com a cultura do Brasil e do mundo.

Data: 14/03/2014

Fonte: ASCOM/SEDUC MA